Sexo Frágil?

Daiana Henckes | 08/03/2015

Já cansamos de ouvir por aí que as mulheres são o “sexo frágil”, mas será que somos mesmo? Será que depois de tantas conquistas e tantas batalhas podemos ser ainda consideradas o sexo frágil?

 

 

mulher 2

 

 

Os homens que me perdoem, porém se colocarmos no papel todos os “perrengues” que as mulheres passam, nem de longe poderemos considera-las frágeis. Para que todos tenhamos uma visão melhor dos pontos fortes das mulheres, resolvi enumerá-las.

  1. Existe um ser mais louvável, do que um ser que consegue carregar outra vida dentro de si mesma?! Que é capaz de passar meses sentindo enjoos, tonturas e mesmo assim ir à luta em todos estes dias?! Que é capaz de sofrer em dores de parto e se manter firme para ter o momento mais mágico de sua vida?!
  2. Alguém pode ser considerado mais forte, do que o sexo que durante boa parte de sua vida convive todos os meses com uma perda de sangue considerável por cerca de uma semana, sentindo inchaço, desconforto e cólicas?!
  3. Chega a ser enlouquecedor a maneira em como conseguem manter a calma nas piores das situações, prova disso é que todos meses enfrentam a TPM e mesmo com a vontade louca de matar alguém, elas permanecem livres desta culpa.
  4. A determinação deste ser é admirável, mesmo com todas as atribuições que sempre teve em casa, lutou pelo direito de trabalhar fora e conseguiu administrar como ninguém as responsabilidades de um emprego e da sua casa, cuidando da mesma, dos filhos e inclusive do marido.
  5. Será que alguém é mais corajoso do que as centenas de mulheres que morreram carbonizadas por lutar por seus direitos há décadas?!

E para quem ainda duvida que as mulheres estão cada vez mais fortes, estudos comprovam que os homens são mais propensos a ter câncer do que as mulheres, e a morrer da doença. Além disso, doenças cardíacas, derrames e obesidade são outras condições com efeitos mais graves no sexo masculino. Isso pode ser detectado facilmente por observação, as mulheres costumam ter hábitos de vidas mais saudáveis que os homens (ou iniciam eles mais cedo).

 

E o que eu quis relatando tudo isso para vocês?! Lembrar todas as mulheres, no seu dia, e em todos os outros, o quanto somos especiais e precisamos nos valorizar, mesmo que a vida (ou as pessoas) muitas vezes tentem fazer o contrário.

 

 

Como já dizia Erasmo Carlos:

“Quando eu chego em casa à noitinha
Quero uma mulher só minha
Mas pra quem deu luz não tem mais jeito
Porque um filho quer seu peito

O outro já reclama a sua mão
E o outro quer o amor que ela tiver
Quatro homens dependentes e carentes
Da força da mulher

Mulher! Mulher!
Na escola em que você foi ensinada
Jamais tirei um 10
Sou forte, mas não chego aos seus pés”

dia da mulher 1 - Copia

Deixe um comentário

2 Comentários

  1. Ameiiiiiiii os novos assuntos do blog… ainda mais este de Amor & Sexo… estou curiosa pra saber quais serão os próximos assuntos daqui.

    A mulher com certeza não é o sexo frágil!
    bjos